WEB RÁDIO TROPICAL

WEB RÁDIO TROPICAL
24 HORAS NO AR ( A EMOÇÃO DO VERÃO)

OUÇA EM SEU SMART-FONE

SISTEMA ANDROID: CLICK SISTEMA I-PHONE> CLICK! SISTEMA ITUNES: CLICK SISTEMA BLACKBERRY> CLICK

WEB RADIO TROPICAL

24 HORAS NO AR - SEU VERÃO É MAIS GOSTOSO AQUI!
Carregando ...
COBERTURA TOTAL DO VERÃO 2017 DE SÃO FRANCISCO & REGIÃO! -

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Bebê morre asfixiado no sofá de casa, em Linhares, ES


Amabilly CalimanDa TV Gazeta
Criança morreu por asfixia causada por ingestão de leite (Foto: Arquivo Pessoal)Criança morreu por asfixia causada por ingestão
de leite (Foto: Arquivo Pessoal)
Um bebê de quatro meses de idade morreu sufocado na manhã deste domingo (25), em Linhares, Norte do Espírito Santo.

De acordo com a Polícia Militar, Luana Queiróz da Silva foi deixada dormindo no sofá e, quando a mãe voltou, encontrou o bebê morto.

A perícia informou que a causa da morte de Luana foi asfixia por corpo estranho. Neste caso, a ingestão de leite. A informação coincide com a primeira suspeita da perícia, de que a morte tenha sido provocada por refluxo.

O caso foi registrado por volta das 9 horas, no distrito de Bebedouro. O corpo da menina foi encaminhado para o Serviço Médico Legal de Linhares.
Outros casos
No dia 11 de dezembro, um bebê de dois meses morreu enquanto dormia na cama com a mãe e o irmão, também em Linhares. Familiares disseram que, durante a noite, a mãe colocou os dois filhos para dormir na cama dela, que é de casal. Uma das crianças tem dois anos e a outra, dois meses. Quando ela acordou, no outro dia, o bebê estava morto.
No dia 8 de dezembro, uma menina de três meses morreu enquanto dormia com os pais no distrito de Rio Preto, interior de Água Doce do Norte, no Noroeste do Estado. De acordo com o delegado Juliano Batista Fernandes, de Barra de São Francisco, a mãe da menina contou que, durante a madrugada, a filha estava no berço e acordou chorando. Por isso, ela colocou a menina para dormir com o casal na cama. Algumas horas depois, a mãe acordou e percebeu que a criança estava morta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário