segunda-feira, 23 de abril de 2018

Bolsonaro lidera corrida presidencial, seguido de ex-presidente do STF

A pesquisa DataPoder360 divulgada neste sábado (21) aponta que o deputado Jair Bolsonaro lidera as intenções de voto para presidente da República. O candidato do PSL tem entre 20% e 22%.


Em segundo lugar aparece Joaquim Barbosa (PSB) com 13% a 16% das intenções de voto. Já no terceiro aparecem praticamente empatados Ciro Gomes(PDT) com 8,4% e Marina Silva (Rede), com 8,2%.

O estudo aponta ainda Fernando Haddad (PT), com 7,4% das intenções de voto e  Álvaro Dias (Podemos), com 6,3%.

Outros 17,3% responderam que votariam branco ou nulo e 8,2% não responderam.

A pesquisa DataPoder360 foi realizada nos dias 16 a 19 de abril, por meio de ligações telefônicas (para aparelhos celulares e fixos), e teve 2.000 entrevistas em 278 cidades brasileiras. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. O estudo está registrado no TSE sob o número BR-06596/2018.

O estudo considerou um cenário no qual fossem testados apenas os políticos cuja exposição indicasse taxas acima de 5% e também 1 nome do PT –considerando-se que a tendência é que o Partido dos Trabalhadores possa ter 1 nome próprio em substituição ao de Luiz Inácio Lula da Silva, no momento preso e cumprindo pena de 12 anos e 1 mês em Curitiba (PR).

Cenário 2
Em um segundo cenário testado pelo DataPoder360, considerando 12 nomes de possíveis candidatos a presidente. Os resultados indicam a liderança de Jair Bolsonaro, com 20%.

No segundo lugar está Joaquim Barbosa, com 12,9%, seguido por Marina Silva (10,0%); Ciro Gomes (9,0%); Geraldo Alckmin (8,0%); Alvaro Dias (6,0%); Fernando Haddad (3,9%); Manuela D’Ávila (2,0%); Fernando Collor (1,0%); Guilherme Afif (1,0%); Guilherme Boulos (1,0%); João Amoêdo (0,5%).

Já 16,8% responderam branco ou nulo e 7,9% não sabe ou não respondeu (7,9%).

Fonte: Exame

Coronel das Forças Armadas é preso por desvio de R$ 11 milhões

Policiais Rodoviários Federais prenderam na tarde deste domingo (22), MDS, Coronel Reformado do Exército, por haver em seu desfavor Mandado de Prisão em aberto.


A ação ocorreu por volta das 16h, nas imediações do KM 84 da Rodovia Rio-Teresópolis, em Teresópolis, Região Serrana do Rio, durante um operação de rotina.

O militar conduzia o veículo Honda/City, com placas de São Paulo e após consultas aos sistemas foi constatado que havia Mandado de Prisão expedido pela Justiça Militar pendente de cumprimento.

O Coronel teria sido apontado em investigações realizadas em 2011 como integrante de um esquema de corrupção juntamente com outros oficiais. Segundo informações, MDS teria sido condenado a sete anos de prisão, em ação que resultou na perda do posto e da patente de outro Coronel.

O fato foi apresentado à Delegacia de Polícia Civil, que providenciou a custódia do preso, enquanto aguardava a chegada de escolta das Forças Armadas, a fim de conduzí-lo à unidade prisional correspondente

PM recupera carro roubado, apreende material do tráfico e prende 5

Na manhã deste domingo (22), após informações de que homens ligados ao tráfico do bairro nova Esperança, em Rio das Ostras, pretendiam invadir o bairro Ilha, na mesma cidade, policiais militares do 32º BPM montaram um cerco e apreenderam armas, drogas e detiveram cinco suspeitos, sendo quatro menores - dois de 15 anos, um de 16 e outro de 17 anos - e um jovem de 19 anos.


Foram apreendidos uma pistola calibre 45, uma pistola .40, um revólver calibre 38, um revólver calibre 32, 21 munições .40, 27 munições .45, uma munição calibre 38, quatro munições calibre 32, uma granada artesanal, dois rádios comunicação, dois carregadores de rádio, quatro relógios, seis celulares, dois cadernos de anotação, uma touca ninja e um Citroen C3 roubado neste sábado (21), além de uma certa quantidade de cocaína ainda não contabilizada.

O caso foi encaminhado para a 128ª DP da cidade

Dois assassinados e um baleado; suspeito de assaltar autoescola preso com drogas

Dois homens foram assassinados e outro baleado em Casimiro de Abreu nas últimas horas. Confira:


Na madrugada desta segunda-feira (23), policiais militares receberam informações de que duas pessoas teriam dado entrada no Hospital Público de Macaé. Chegando a unidade de saúde, foi constatado que uma das vítima não resistiu e morreu. Ele tinha duas passagens por furto.

Ainda de acordo com a polícia, a outra vítima, que foi atingida no rosto, permanecia na unidade e informou aos militares que os autores dos disparos estavam em um veículo de modelo e placa não identificados.

BALEADO

Na madrugada deste domingo (22), policiais militares do 32º BPM procederam a Barra de São, em Casimiro de Abreu, para verificar informações de um homicídio. Chegando ao local a vítima estava caída ao solo com perfurações de arma de fogo. Ainda segundo a polícia, a vítima possuía anotações por tráfico de drogas.

A ocorrência foi registrada na 121ª DP da cidade.

ACUSADO DE ASSALTAR AUTOESCOLA É PRESO COM DROGAS EM MACAÉ

Um rapaz suspeito de ter cometido um roubo a uma autoescola no Centro de Macaé foi preso neste domingo (22). Com ele, policiais militares apreenderam uma pistola Taurus calibre 380, nove munições do mesmo calibre, 66 papelotes de cocaína de R$ 5,00, 24 pinos da mesma droga de R$ 30,00 e outros  24 pinos de R$ 5,00.

A prisão do acusado aconteceu no bairro Lagomar, na cidade de Macaé.

Polícia investiga furto de R$ 550 mil dentro de casa de idoso

Policiais da 143ª DP de Itaperuna investigam o furto de mais de meio milhão de reais. O valor pertencia ao idoso A.S.S., de 88 anos. Segundo ele, R$ 550 mil em dinheiro vivo eram mantidos dentro de caixas de papelão, no porão de sua residência  -  que era fechado com grades e cadeados e não apresentava marcas de arrombamento - na Rua Comendador Venâncio, no bairro Cehab.


Ainda de acordo com o idoso, o dinheiro seria fruto de mais de 20 anos de suas economias, que há cerca de seis meses havia conferido a quantia e não soube informar a data do desaparecimento do dinheiro, e que só descobriu após ter realizado nova conferência na última quinta-feira (19).

MPRJ denuncia quadrilha do golpe da pirâmide do emprego

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal da 1ª Central de Inquéritos, denunciou esta semana integrantes de uma quadrilha que aplicou golpes em mais de dois mil desempregados. De acordo com a denúncia, uma empresa de fachada atraía desempregados, com a oferta de falsas vagas de emprego.


Em dado momento, as vítimas eram informadas de que para a obtenção da vaga deveriam desembolsar R$ 50 para a compra de um curso e captar mais cinquenta pessoas para também adquirirem o curso. Ao final do contrato de experiência, mesmo que atingissem a meta estabelecida, eram demitidas sem receber qualquer verba rescisória. O chamado golpe da pirâmide do emprego rendia à quadrilha lucro diário de até R$ 8 mil.

“Os denunciados são dados a práticas criminosas, em especial a de ludibriar as pessoas com vistas a auferir renda sem esforço, em prejuízo de pessoas que estavam apenas lutando por uma colocação no mercado de trabalho, tão escasso em meio à imensa crise que enfrenta nosso país”, diz a denúncia, que requer a prisão preventiva de Fábio Alexandre Andrion de Moraes, Rodrigo Santos Martins, Raphaela Oliveira Andrion de Moraes e Adriana dos Santos Stumbo.

Entre novembro de 2017 e abril de 2018, os quatro cometeram estelionatos por meio da empresa de fachada denomindada “IDM Importando do Mundo”. As vítimas eram iludidas com o salário indicado para falsas vagas de emprego, oferecidas em anúncios na internet.

A denúncia aponta Fábio como o grande mentor da associação criminosa. Era ele quem ludibriava as vítimas por meio de uma palestra, em que era informada a necessidade do pagamento da taxa de R$ 50 e da obrigatoriedade da captação de cinquenta novos candidatos. Fábio dizia que somente assim, os interessados poderiam ser efetivados na vaga de promotor de vendas de produtos importados.

Filha de Fábio, Raphaela ficava nas dependências da empresa, pronta para prestar qualquer auxílio necessário ao desempenho do golpe. Era ela quem recebia as carteiras de trabalho e os valores pagos pelas vítimas.  Segundo a denúncia, documentos de algumas das vítimas ainda encontram-se em poder dos estelionatários.

Rodrigo, por sua vez, tinha a responsabilidade de angariar novas vítimas para o golpe. “As vagas eram anunciadas por ele, que também convocava para a reunião onde seria vendido o curso, com a intenção única de receber a taxa ilegal”, explica o promotor de Justiça Marcelo Muniz Neves, da 2ª Promotoria de Investigação Penal.

Tendo como principal função conferir a aparente licitude das práticas, a advogada Adriana Stumbo  confeccionava contratos e intermediava os aluguéis das salas destinadas às palestras onde as vítimas eram ludibriadas.

Os quatro integrantes da quadrilha foram denunciados pelos crimes de estelionato, que prevê pena de um a cinco anos de reclusão; associação criminosa, com pena de quatro a oito anos; e supressão de documento, com previsão de dois a seis anos de reclusão.

Troca de tiros: três mortos, armas e material do tráfico

O medo e a tensão tomou conta de moradores do Jacaré, em Cabo Frio, na manhã deste domingo (22), após intensa troca de tiros entre policiais militares e traficantes. Três suspeitos foram baleados, foram socorridos, mas morreram no hospital. Outros quatro foram presos.


Ainda segundo a polícia, foram apreendidos um fuzil 556, três pistolas, um kit adaptador de pistola e uma grande quantidade de drogas ainda não contabilizada. Foram arrecadados ainda radio transmissores, celulares, cadernos de anotação do tráfico e drogas.